Se inscreva no canal do Telegram
Pesquisar
Close this search box.

Halloween 2023

Dicas do que ver no streaming em outubro.
Compartilhe:

Para receber todas as novidades, se inscreva no canal do Telegram

Embora os horrores da vida nos acompanhem o ano todo, é chegado o mês das bruxas! Em outubro, as plataformas de streaming dão uma caprichada nas prateleiras de terror e, como a Maria do Caixão que sou, pensei em recomendar alguns títulos. Bons sustos!

 

Netflix

Mike Flanagan, de “A Maldição da Residência Hill” e “Missa da Meia-Noite”, retorna nesta semana com “A Queda da Casa de Usher”. Flanagan nem sempre acerta, vide o pavoroso “A Maldição da Mansão Bly” e “Doutor Sono”, mas a crítica tem elogiado e é bom ficar de olho. Entre os filmes, há essenciais como “Corra!” e “Hereditário”, mas recomendo também “O Homem nas Trevas”, “O Chalé”, “O Que Ficou Para Trás” e “À Sombra do Medo”.

Amazon Prime

De novidade, tem “Dezesseis Facadas”, terror adolescente com Kiernan Shipka para ver com os mais novos. “Beau Tem Medo”, do Ari Aster, não é como “Hereditário” ou “Midsommar”, mas é também um pesadelo de uma mente ansiosa. Há o “Exorcista” original, já que a nova sequência nos cinemas é uma bomba. Tem “Maligno”, do James Wan, para uma boa galhofa. E para os mais aventureiros no gênero, que adoram uma bizarrice, “In Fabric”. Também sempre faço questão de recomendar o espanhol “[REC]” e suas sequências (menos o terceiro).

HBO Max

“Spree – Viagens Sem Limite” é um found footage interessante (perceba que não estou utilizando a palavra “bom”) com o rapaz de “Stranger Things”. Falando em adolescentes, recomendo “Morte Morte Morte”, da A24, com a hilária Rachel Sennott. Também gosto muito da estranheza de “Sob a Pele”, com a Scarlett Johansson. A HBO também é a casa oficial das franquias “Sobrenatural” e “Invocação do Mal”.

Mubi

A Mubi preparou uma coleção especial com clássicos como “Halloween”, do John Carpenter, e “O Homem de Palha”, ícone do terror folk que tanto inspirou “Midsommar”. Há um terror mexicano muito bom chamado “O Esqueleto da Sra. Morales”, de 1960. Entre as produções mais recentes, recomendo “Corrente do Mal” e “Swallow”. O japonês “Batalha Real” não é tecnicamente um filme terror, mas tem uma trama perturbadora e sanguinolenta.

Tags:

Leia também:

Baseada na obra de Patricia Highsmith, nova minissérie da Netflix mostra que não há versão definitiva de Tom Ripley.
Primeira parte da trilogia de terror é um divertido "Pânico" gay.
Zoe Kravitz estrela suspense enxuto de Steven Soderbegh.
O diretor de Hereditário retorna ao terror autoral.